04 julho 2020

Partido Verde de Currais Novos, recebeu a visita do Pré-Candidato a Prefeito Capitão Millend Garcia

Hoje (04) de julho, o Partido Verde de Currais Novos RN, que esteve representado por Sidney Araújo, Inácio de Colombita e Messias Estrategista, recebeu a visita do pré-candidato a prefeito Capitão Millend Garcia e o Vereador Ausônio foi discutido vários problemas da cidade de Currais Novos. O Tenente expôs suas ideias e que conta com alguns apoios e tenta viabilizar sua candidatura agregando mais pessoas.

Foi um bom diálogo, com o pré-candidato a prefeito Millend Garcia. Vamos aguarda o desenrolar das pré-candidaturas a prefeito de Currais Novos e ver quem realmente será os candidatos, para o Partido Verde se posicionar com quem realmente vai está nas eleições de 2020.

Nós do Partido Verde, sabemos de nossa responsabilidade que temos, em buscar uma melhoria na Administração Pública Municipal, em vários aspectos, pelo povo e para o povo.




Em meio a pandemia, oposição de Santa Cruz cria narrativa fictícia sobre instalação de leitos de UTI Covid no Hospital Aluízio Bezerra

hospitalaluiziobezerra
Em meio a uma terrível pandemia que tem prejudicado toda população mundial, a oposição de Santa Cruz se utiliza de uma narrativa fictícia sobre a abertura de leitos de UTI Covid no Hospital Municipal Aluízio Bezerra.
Desde o início da pandemia, a Prefeitura de Santa Cruz, através da secretaria municipal de Saúde, elaborou um Plano de Enfrentamento com ações que visam o combate ao Coronavírus e suas consequências.
Esse plano passa por ações de isolamento social e, principalmente, de melhorias das estruturas de saúde para atender a população em meio as dificuldades causadas pela pandemia.
A primeira ação relevante tomada pela Prefeitura de Santa Cruz foi a divisão do serviço de urgência do Hospital Municipal Aluízio Bezerra, onde todo atendimento de urgência que não fosse com sintomas respiratórios seriam atendidos no Centro de Saúde da Família (UPA), no bairro Paraíso, e a estrutura do Hospital Aluízio Bezerra, seria exclusiva para pacientes com sintomas respiratórios, suspeitos ou confirmados com a Covid-19.
Esse planejamento passou por discussões com as prefeituras da região Trairi, com compromisso de ajudar no financiamento para manutenção dos dois serviços de urgência.
Aconteceram também discussões com o Governo do Estado, que queria que o Hospital de Santa Cruz, atendesse também a região Potengi, por sua melhor estrutura que o Hospital de São Paulo do Potengi, situação que não foi aceita, pois a Prefeitura de Santa Cruz entendia que não conseguiria dar um serviço satisfatório para as duas regiões, e após as discussões ficou definido que é de responsabilidade do Hospital Aluízio Bezerra atender os pacientes da região Trairi.
Todo esse planejamento foi efetivado no dia 5 de maio, quando a urgência do Centro de Saúde da Família foi aberta e o fluxo planejado começou a ser executado, com dois pronto-socorro ativos e custeados pela Prefeitura de Santa Cruz, sem qualquer ajuda do Governo do Estado para isso, mesmo tendo caráter regional.
A partir daí, a Prefeitura de Santa Cruz começou a segunda etapa do Plano de Enfrentamento ao Coronavírus, que foi a estruturação do Hospital Municipal Aluízio Bezerra.
Em parceria com a Facisa, o respirador da unidade de saúde foi emprestado e o Hospital Aluízio Bezerra passou a ter três respiradores para atender a população, quantidade melhor, mas ainda não suficiente, pois a situação começava a se agravar.
Com esse quadro, a Prefeitura de Santa Cruz começou a planejar a abertura de leitos de UTI Covid para o Hospital Aluízio Bezerra, para dar um melhor suporte em atendimento à população, especialmente quando a situação ficasse mais grave.
Ainda em maio, técnicos da Secretaria Estadual de Saúde Pública visitaram o Hospital Aluízio Bezerra e se comprometeram a ajudar o município na estruturação do Hospital, pois a Prefeitura não conseguia comprar respiradores, mesmo tendo recursos, pois todas as empresas brasileiras estavam impedidas de vender os equipamentos para prefeituras ou estados, tendo em vista que o Governo Federal concentrou essas compras e distribuição dos equipamentos.
Após a visita, o Estado enviou dois respiradores usados para Santa Cruz, equipamentos estes que foram descartado, pois não estavam adequados e seria de difícil concerto, pois eram equipamentos analógicos, velhos e sem condições de funcionar neste período crucial contra a Covid-19.
Após o "mico", o Estado resolveu enviar a Santa Cruz, de forma emprestada, cinco aparelhos respiradores novos, que foram doados pelo Governo Federal ao Governo do Estado, e é a partir daí que a narrativa fake criada pela oposição santa-cruzense se inicia.
Alguns veículos de imprensa ligados a oposição e, inclusive, algumas autoridades divulgaram de forma irresponsável e erronia, que o Governo do Estado teria enviado leitos de UTI Covid para Santa Cruz, o que se fato não aconteceu.
O respirador é apenas um dos diversos equipamentos necessários para abertura de um leito de UTI, necessitando de diversos outros equipamentos como monitores de sinais vitais, bombas de infusão, equipamentos de oximetria, e outros que são essenciais para o bom funcionamento de um leito de UTI Covid.
Com isso, a Prefeitura de Santa Cruz começou o planejamento para compra dos demais equipamentos para abertura dos leitos o mais rápido possível.
Em uma parceria com o Hospital Universitário Ana Bezerra, a unidade de saúde emprestou 4 monitores cardíacos enquanto o município finaliza a licitação dos equipamentos.
Além disso, técnicos do Hospital vistoriaram o Hospital Municipal Aluízio Bezerra para saber como está a estrutura e o que é necessário para que os leitos funcionem normalmente.
Após a vistoria, se constatou a necessidade do aumento da rede de gases do Hospital Aluízio Bezerra, que hoje é o maior entrave para abertura dos leitos.
O município trabalha agora para aumentar essa rede de gases para que a estrutura suporte os novos respiradores e para que os leitos de UTI Covid ajude de fato na recuperação dos pacientes.
Tudo isso citado nessa postagem só mostra o quão desafiador é a abertura de leitos de UTI Covid, não simplesmente entregar respiradores e pensar que eles funcionarão num passe de mágicas.
São várias situações que estão sendo superadas para que, no mais breve possível, o Hospital Municipal Aluízio Bezerra, possa ter seus leitos de UTI para atender a pacientes de Santa Cruz e região.
Em meio a tudo isso, infelizmente temos um ano eleitoral para escolha de novos representantes locais, situação que faz com que alguns queiram se aproveitar desses desafios para criar roteiros políticos partidários que só prejudicam um debate tão importante para a saúde das pessoas.
Que tudo isso seja superado o mais rápido possível e que as ações continuem para minimizar a incidência do Coronavírus em Santa Cruz e região Trairi.

Detran publicará portaria de renovação de CNH e 1ª Habilitação durante pandemia

O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) publica na edição do Diário Oficial do Estado (DOE), deste sábado (04), uma Portaria com as orientações e procedimentos para renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e para abertura de processo direcionado ao usuário que deseja tirar sua primeira Habilitação.
As regras determinadas na Portaria terão validade enquanto durar a emergência de saúde pública decorrente da pandemia de Covid-19 e seguem no sentido de preservar a saúde dos cidadãos.
Nesse primeiro momento, O Detran vai agir para contemplar os pontos principais de demanda por esses serviços, que estão concentrados nas regiões de Natal e Mossoró. O plano é absorver os serviços atendendo à população com segurança e de maneira ordenada, buscando garantir que o processo de renovação da CNH e de obtenção da Permissão Provisória para Dirigir aconteçam com o mínimo contato entre as pessoas, utilizando de maneira inteligente as ferramentas de serviço online e agendamento prévio.


Estudo americano apresenta resultados positivos da hidroxicloroquina para a Covid-19


Um novo estudo realizado por membros do Sistema de Saúde Henry Ford, em Detroit, Michigan, apresentou resultados positivos acerca do uso de hidroxicloroquina no tratamento de pacientes com Covid-19. A pesquisa mostrou que o grupo que utilizou a droga teve a taxa de mortalidade reduzida pela metade. O método do estudo, no entanto, foi alvo de críticas nos Estados Unidos.
A equipe analisou o quadro clínico de 2.541 pacientes. O Dr. Marcus Zervos, chefe da divisão de doenças infecciosas do Sistema de Saúde Henry Ford, revelou que 26% do grupo que não recebeu o tratamento faleceu. Já o grupo que utilizou a droga teve taxa de mortalidade de 13%. Foram analisados todos os pacientes tratados no sistema hospitalar desde o primeiro, ainda em março.
“As taxas gerais de mortalidade bruta foram de 18,1%. Um grupo que somente foi tratado com hidroxicloroquina teve 13,5%, enquanto os que receberam hidroxicloroquina mais azitromicina teve 20,1%. Pacientes que utilizaram apenas azitromicina registraram 22,4% de óbitos e o grupo em qual não fora aplicado nenhum medicamento, 26,4%”, escreveu a equipe, em um relatório publicado no “International Journal of Infectious Diseases”.
Os resultados vão em direção oposta às conclusões de estudos anteriores, que não encontraram benefícios no uso da droga, além de alertarem para o risco de seu uso em pessoas com problemas cardíacos. Após os estudos iniciais, a FDA (Administração de Alimentos e Medicamentos dos EUA) retirou, no início de junho, a autorização para utilização do medicamento em casos emergenciais.
Zervos afirmou que os pacientes analisados no estudo foram tratados precocemente. “Para que a hidroxicloroquina tenha benefício, é necessário começar o tratamento antes que os pacientes comecem a sofrer algumas das graves reações imunológicas do Covid”, disse. O médico comunicou que eles também monitoraram cuidadosamente possíveis problemas cardíacos nos indivíduos.
A equipe do Sistema de Saúde Henry Ford acredita que as descobertas podem salvar vidas, mas não descarta ou contradiz os resultados de estudos anteriores. “Queremos enfatizar que, apenas porque nossos resultados diferem de alguns outros que podem ter sido publicados, isso não torna esses estudos errados”, disse o CEO do Henry Ford Medical Group, Steven Kalkanis.
“É preciso muito mais trabalho para elucidar qual deve ser o plano final de tratamento para a Covid-19, mas sentimos que esses resultados são importantes para adicionar à mistura de como proceder, se houver um segundo surto no mundo. Agora podemos ajudar as pessoas a combater essa doença e reduzir a taxa de mortalidade”, concluiu Kalkanis.
Críticas no método da pesquisa

VT ENTREGA DE EPI'S EM SANTA CRUZ/RN, enviado pela Assembleia Legislativa para Santa Cruz RN



Veja essa reportagem , VEJA AQUI.

Fonte do Vídeo : TV Assembleia Legislativa 

Queda na arrecadação deixa o RN em estado de “putrefação”

A queda de receita no Estado durante neste período de pandemia foi puxada ainda pelas perdas de R$ 48 milhões do Fundeb, R$ 24,3 milhões de royalties, R$ 22 milhões do Simples, e R$ 7,2 milhões do Fundo Estadual de Combate à Pobreza (Fecop). Na contramão das perdas, o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) apresentou alta de 1,7% com ganho de R$ 2,8 milhões ao cofre estadual.
O déficit do último mês aponta uma possível diminuição do rombo financeiro, mas ainda compromete, sobremaneira, as contas públicas. No mês de março, início da pandemia, as perdas foram de R$ 19.845.847,69. Em abril, de R$ 112.104.792,66. Em maio, o maior montante, de R$ 193.384.372,79. Em junho, leve diminuição, com R$ 165.442.375,97 em queda de receita.
“Assumimos um Estado em calamidade financeira, com passivo de quatro folhas e sete anos de salários pagos em atraso. Ainda assim nos comprometemos a pagar o salário dentro do mês trabalhado e temos cumprido. Os efeitos econômicos e sociais da pandemia permanecerão mais alguns meses. Mas enfrentaremos mais esse desafio com planejamento e ações”, concluiu o secretário de Estado do Planejamento e das Finanças, Aldemir Freire.

Sindicato dos Médicos atesta redução na ocupação de leitos de Covid na rede privada do RN

“Mesmo em meio ao sofrimento da morte de tantos médicos, nesta luta sem tréguas ao coronavírus, a boa notícia que parece apontar é que a queda inicialmente constatada no atendimento inicial de pronto-socorro parece se encaminhar para os leitos semi-intensivo e de UTI, no setor privado.
A situação no Hospital Rio Grande que era de lotação na visita que o Sinmed realizou no início da semana, apresentou ligeira folga nesta sexta-feira. O quadro hoje é o seguinte: UTI COVID – de 20 vagas, 7 disponíveis, SEMI-INTENSIVO COVID – de 27 vagas, 8 disponíveis.
São os primeiros sinais que devemos acompanhar para ver se é uma tendência a se consolidar. No meio das sombras trazidas pela pandemia pode estar surgindo uma luz que sinaliza declínio da infecção e agora da internação de casos mais graves.
Essa tendência quanto à procura de internamento em UTI ainda não conseguimos detectar na rede pública, em razão de filas de espera. Vamos acompanhar nos próximos dias para ver se observamos no setor público o que começamos a perceber no setor privado”.
Geraldo Ferreira – Presidente do Sinmed/RN

03 julho 2020

Carlson Gomes publicou em seu Facebook, ação da secretária de Obras de Natal






Carlson Gomes publicou em seu Facebook, ação da secretária de Obras de Natal, veja a publicação.....Na ultima quarta-feira (01), visitei, acompanhado do técnico Diogo Alexandre, do setor de Conservação da Semov, as lagoas de captação dos Potiguares, Preá, Vila de Ponta Negra, Pirangi, Cidade da Esperança , São Miguel dos Caribes e Centro Administrativo.
Na oportunidade, conversamos e debatemos ações que serão postas em prática nos equipamentos dentro de alguns dias. Melhorias que darão maior segurança aos moradores das regiões.

Deputado Tomba Farias deixa de “saia justa” Cipriano Maia, que admite que Fátima Bezerra não implantou em Santa Cruz os leitos de UTI´s que anunciou

O deputado estadual Tomba Farias (PSDB) deixou de ‘saia justa’ o secretário de Saúde do Rio Grande do Norte, Cipriano Maia, durante sessão especial realizada na tarde desta quinta-feira, 02, na Assembleia Legislativa do RN. Maia terminou por contradizer o discurso da governadora Fátima Bezerra, ao ser questionado pelo parlamentar se o governo estadual havia de fato implantado UTI´s em Santa Cruz. Segundo o parlamentar, o município não recebeu da administração estadual um único leito de Terapia Intensiva, mas apenas respiradores enviados pelo governo federal. “O que não aceito são mentiras. A governadora Fátima Bezerra ocupou a Intertv Cabugi para dizer que abriu cinco leitos de UTI´s na cidade de Santa Cruz. Não é verdade. O que chegou lá foram cinco respiradores do governo federal,” revelou o parlamentar. Diante dos questionamentos do deputado, Cipriano Maia ficou em uma ‘sinuca de bico’ e desfez o discurso da governadora, ao confirmar que o governo apenas “apoiou com equipamentos e recursos” a implantação de leitos naquele município. “O que fizemos foi uma negociação com Guamaré, Parnamirim, São Gonçalo e Santa Cruz para apoiar a implantação desses leitos, que são leitos do SUS, não são do município, nem do estado, são do povo brasileiro. Não estamos interessados em fazer disso um ‘quem é quem’. O que se tem divulgado é a implantação de leitos do SUS no Estado”, disse Maia, insinuando que o deputado estava querendo ‘politizar’ a discussão. Tomba, no entanto, voltou a enquadrar o secretário, ao dizer que não estava participando de campanha eleitoral. “É estranho um auxiliar de governo falar isso. Quero dizer ao secretário Cipriano que o nosso hospital é um hospital municipal, que está garantindo a saúde de todo o povo da região do Trairi. O prefeito Ivanildo tem feito um trabalho a altura e eu faço oposição séria, mas o que não aceito são mentiras”, ressaltou o deputado.#Respiradores #Verdade #SantaCruz #RN

E pegue dinheiro pro covidão: liberação de R$ 13,8 bi para estados e município

Ministério da Saúde acabou de anunciar que vai distribuir R$ 13,8 bilhões para auxiliar estados e municípios no combate à pandemia.
Serão R$ 11,3 bilhões para estados e R$ 2,5 bilhões para municípios. Os valores serão repassados seguindo critérios de dados populacionais e número de leitos.

Em sessão especial, deputados debatem com secretário de Saúde compra de respiradores


Em sessão especial, realizada de forma remota na tarde desta quinta-feira (2), os deputados da Assembleia Legislativa debateram por mais de três horas com o secretário de Saúde do Estado, Cipriano Maia de Vasconcelos, as ações da Secretaria de Saúde no combate à Covid-19, com foco principal na compra dos respiradores que não foram entregues por meio do Consórcio Nordeste.
Coordenado pelo presidente da Casa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), durante a sessão o Secretário prestou esclarecimentos sobre a operação e falou sobre os recursos que já foram aplicados pela Secretaria e respondeu questionamentos dos parlamentares.
“O debate com a presença do secretário Cipriano Maia serviu para tirar dúvidas. Foi uma discussão muito importante. Todos buscam vencer a pandemia e voltar à normalidade no Estado. Agradeço também a presença do Procurador-Geral do Estado, Luiz Antônio Marinho que aceitou o convite para participar dessa sessão especial”, destacou o presidente, Ezequiel Ferreira.
Na ocasião, o secretário de Saúde fez uma explanação sobre a expansão dos leitos para o tratamento da Covid-19 e explicou a necessidade de compra dos ventiladores pulmonares que estavam em falta até no mercado internacional. Ele disse que o pagamento antecipado de quase R$ 5 milhões foi com fundamento na Lei 13.979, mas que a empresa responsável pela compra não entregou os equipamentos.

02 julho 2020

Ex-deputado federal Wanderley Mariz tem morte cerebral confirmada por Covid-19


Ex-deputado federal Wanderley Mariz, de 79 anos, teve morte cerebral confirmada nesta quinta-feira, por sua sobrinha Elizabethe Mariz, que revelou o fato a amigos próximos. Ele estava internado desde o último dia 27 na UTI do Hospital São Lucas, em decorrência da Covid-19, mas teve piora no quadro de saúde. Wanderley é filho do ex-senador e ex-governador do Rio Grande do Norte, Dinarte Mariz.
Natural de Caicó, Wanderley exerceu três mandatos de deputado federal pelo Rio Grande do Norte. Ele é advogado com Bacharelado em Direito pela Universidade Federal Fluminense, foi eleito deputado federal pela ARENA em 1974 e 1978 e com o fim do bipartidarismo no Governo João Figueiredo ingressou no PDS e foi reeleito em 1982 graças ao capital político do pai, que militou por mais de cinquenta anos na política potiguar.
Em sua última passagem pela Câmara dos Deputados ausentou-se na votação da emenda Dante de Oliveira em 1984 e votou em Paulo Maluf no Colégio Eleitoral em 1985, entretanto filiou-se ao PMDB e disputou uma vaga de senador pelo Rio Grande do Norte em 1986 ao lado de Martins Filho, mas ambos foram derrotados por José Agripino Maia (PFL) e Lavoisier Maia (PDS). Durante o governo Geraldo Melo foi Secretário de Justiça do Rio Grande do Norte.

Deputado João Maia é internado com suspeita de Covid-19

COMUNICADO OFICIAL
O deputado federal João Maia encontra-se hospitalizado em Natal (RN), com suspeita de ter contraído a Covid-19. No momento, o parlamentar apresenta quadro estável e aguardando o resultado do exame que só deve sair na noite desta quinta-feira (02). João Maia está realizando exames e seguindo todas as orientações médicas. Desde já, agradecemos a preocupação e o carinho de todos os potiguares.
Assessoria de Comunicação do deputado federal João Maia.

Câmara aprova adiamento das eleições municipais para novembro; PEC será promulgada nesta quinta

Em razão da pandemia, a eleição será transferida para os dias 15 e 29 de novembro (1º e 2º turnos)

Ordem do dia. Presidente da Câmara dos Deputados, dep. Rodrigo Maia (DEM - RJ)
A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (1º) a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 18/20, que adia as eleições municipais deste ano devido à pandemia causada pelo novo coronavírus. O placar de votação da PEC no segundo turno foi de 407 votos a 70. Pouco antes, no primeiro turno, foram 402 votos favoráveis e 90 contrários.
Segundo o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), o texto será promulgado nesta quinta-feira (2), às 10 horas, pelo Congresso Nacional.
Oriunda do Senado, a PEC determina que os dois turnos eleitorais, inicialmente previstos para os dias 4 e 25 de outubro, serão realizados nos dias 15 e 29 de novembro. Por meio de uma emenda de redação, deputados definiram que caberá ao Congresso decidir sobre o adiamento das eleições por um período ainda maior nas cidades com muitos casos da doença.
“A alteração do calendário eleitoral é medida necessária no atual contexto da emergência de saúde pública”, defendeu o relator, deputado Jhonatan de Jesus (Republicanos-RR). “Os novos prazos e datas são adequados e prestigiam os princípios democrático e republicano, ao garantir a manutenção das eleições sem alteração nos mandatos”, continuou.

Calendário eleitoral
Além de adiar as eleições, a PEC, de autoria do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), estabelece novas datas para outras etapas do processo eleitoral de 2020, como registro de candidaturas e início da propaganda eleitoral gratuita (veja quadro). Apenas a data da posse dos eleitos permanece a mesma, em 1º de janeiro de 2021.



Decreto reduz salários de prefeito, vice e vereadores em Galinhos (RN)

O mais recente Decreto Municipal de Galinhos (RN) nº 19/2020 publicado hoje, 01 de julho de 2020, no Diário Oficial dos Municípios, prorrogou em seu artigo 7º a redução salarial de 25% (vinte e cinco por cento) dos vencimentos do Prefeito, Vice-prefeito, dos Secretários e demais equiparados.
A primeira redução salarial ocorreu em abril do presente ano, e com a renovação, já acarreta num período de 06 meses.
Tais reduções, a princípio, permanecerão vigentes até o dia 30 de setembro de 2020.
Mais uma vez, a Prefeitura de Galinhos reafirma o comprometimento com a transparência da gestão e com os salários dos servidores em dia.